lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial Terapia Ocupacional e Fisioterapia
Centro de Terapia Ocupacional e Fisioterapia - CATOF
Seg, 29 de Junho de 2009 15:07


Seguindo a orientação de buscar a melhoria da qualidade do atendimento aos portadores de transtornos mentais no Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto - HSM, o serviço de terapia ocupacional está reestruturando a assistência que presta aos doentes internados a partir da estrutura física do serviço.
Doravante, o serviço estará fora das dependências das unidades de internação, integradas ao campo externo do HSM. A Terapia Ocupacional pode contribuir através da observação do paciente durante o processo de atividade para o auxílio diagnóstico e acompanhamento de progresso ou regressão do paciente. É importante ressaltar que a Terapia Ocupacional tem papel importante na redução do tempo de permanência do paciente na instituição hospitalar.

 

Fundamentação Teórica

Amariah Brigham (1844) e Todd afirmaram que “não deve haver preocupação com os aspectos econômicos (de ganho) do trabalho, mas sim com o afastamento do doente de suas fantasias mórbidas; em chamar sua atenção, estimular seu interesse, levá-lo a retomar métodos, de pensar e de ocupar-se, naturais e sadios”. O valor terapêutico da ocupação passou a ser levado em conta, o que deu maior consistência ao tratamento ocupacional

 

Metodologia

Execução das atividades
As atividades terão participação de número mínimo de 40 e máximo de 60 pacientes por turno nas oficinas da unidade central de atendimento;
Distribuição dos pacientes por atividades por turno; 20 pacientes permanecerão em grupos operativos, terapêuticos ou educativos sob coordenação da T.O.
10 pacientes ficarão ocupados na atividade de jardinagem;
10 outros pacientes permanecem na convivência, ao redor das atividades;

Os pacientes que permanecerem nas enfermarias receberão atendimento terapêutico ocupacional nas dependências internas da unidade de acordo com seu projeto terapêutico.

 

Atendimento de T.O. a ser feito nas unidades de internação

Atendimento individual realizado com os pacientes que não oferecem condições de participar das atividades na unidade Central de Atendimento da T.O., de acordo com a avaliação e indicação feita pela Terapeuta Ocupacional da equipe da unidade em referência.
As atividades são principalmente aquelas de fácil execução e de elaboração mais simplificadas auto-expressivas, lúdicas e de estimulação sensorial: desenho em papéis, modelagem em argila e cuidar das mudas de plantas.

 

Funcionamento

Todas as assistentes de TO estarão trabalhando na CATOF durante 8 horas, mantendo-se uma hora de intervalo para repouso de almoço;
Horário de funcionamento: das 8 às 17 horas, de segunda a sábado;
As Terapeutas Ocupacionais estarão trabalhando em regime de escala de serviço obedecendo à necessidade da CATOF e permanecendo na integração das equipes multiprofissionais das unidades;
Todas as Terapeutas Ocupacionais permanecerão dois dias na CATOF e três dias nas unidades, conforme escala mensal.
As oficinas de trabalho (atendimento nos nichos) serão mistas (homens e mulheres) assim como as atividades laborativas deverão sê-lo.
Somente serão divididas por sexo as atividades de treinamento de AVDs dado a natureza dos trabalhos.

 

Material

A distribuição deste material nos armários das oficinas ficará a cargo da coordenação juntamente com as assistentes de T.O. responsáveis por cada atividade;
Serão preparados “kits” para atendimento nas unidades conforme necessidade da T.O. da unidade os quais serão mantidos sob sua responsabilidade


OFICINA I - convivência e jogos

Promover interação entre os participantes;
Auxiliar na execução de jogos com fim de elaborar a aceitação de percas e ganhos;
Trabalhar a coordenação motora, percepção, concentração e atenção.

OFICINA II - colagem (sucatas, colagens de revistas, canudos de jornal, mosaicos)

Promover a renovação de objetos;
Estimular a criatividade;
Fazer o aprendizado de atividade produtiva e rentável;
Ressaltar a satisfação de produzir de forma concreta;
Despertar a criatividade para administrar de sua própria produção;
Incentivar a confecção de trabalhos .

OFICINA III - arte com tecido (patchwork, costura, tapeçaria)

Desenvolver a criatividade do usuário;
Fazer incentivo de melhora de auto-estima;
Treinar a coordenação motora (destreza manual);
Incentivar o reaproveitamento de material;
Possibilitar a elaboração da organização do pensamento;
Proporcionar o reconhecimento de limites utilizando as regras da atividade.

OFICINA IV - modelagem e pintura (gesso, argila, massa e papel machê)

Liberar agressividade;
Estimular a criatividade;
Proporcionar a interação com os materiais (argila);
Estimular a inserção do usuário nas atividades agrícolas (projeto RV);
Concretizar e organizar as idéias/pensamento;
Desenvolver a noção de estética para os trabalhos.
Projeção do “eu”
Catarse emocional

OFICINA V - sala multifuncional

Local apropriado para realização dos grupos.
Espaço aberto que promoverá a integração das equipes de trabalho diariamente.
Lugar próprio para se desenvolver a socioterapia com música, vídeos e teatro.

 

Espaço de lazer

Área externa dos ninchos (oficinas), onde haverá TV, som e bancos de jardim destinados a convivência de visitantes e familiares.
Espaço onde há de se realizar atividades de movimentos amplos: danças, shows, apresentações, etc.

 

Jardinagem

A área livre que rodeia a UNIDADE CENTRAL DE T.O. Está reservada para jardinagem conservada pelos usuários do serviço como atividade laborativa já previsto no plano de ação.

 

 

 

 

 

Calendário

Setembro 2020
D 2a 3a 4a 5a 6a S
30 31 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 1 2 3